Jones – Funcionou bem….


No ultimo dia 21 fui ver a pré-estéia de “Indiana Jones e o Reino da Caveira de Cristal”.

Difícil falar do filme sendo um fã de Indiana Jones (dos clássico, por óbvio).

Bom, o filme é absolutamente sessão da tarde. Não poderia e nem seria diferente: É Indiana Jones. Indy bate e principalmente, apanha muito. O cinismo está lá. Todo ele.

Mas confesso que a quimica do filme está diferente: E não, longe do que muito gente está se repetindo em algumas críticas, nao vou comentar sobre o Indy velho. Aliás, acho essa a grande injustiça das críticas do filme: A primeira coisa que fazem questão de mostrar no filme é que ele envelheceu. Não acho que isso seja um grande problema ou que tenha atrapalhado o filme.

A coisa estranha é (SPOILER – Selecione o texto ao lado para ver): Porque tranformar o Indy no pai dele? Isto é, porque fazer toda aquela quimica entre os 2 personagens do filme sabendo que o Indy é o pai do cara? Transformaram ele no Henry Jones I!!!!!!!!!!!!!!!!!!

Enfim, acho que é para mostrar a idade avançando e que os Jones não são tão diferentes assim. Não gostei disso, sou sincero. Eu, particularmente dizendo, imaginava que seria diferente essa relação. Mas é gosto isso, não é uma falha de roteiro.

Ah, o roteiro: Uma coisa me chamava a atenção nos outros filmes é que a história dos Jones sempre começavam com alguma avntura ja encaminhada. Se salvava e acabava entrando em outra, não relacionada a anterior (Vide “Arca Perdida” com a famosa bola na caverna e o “Templo da Perdiçao”, com a historia do diamante e, o Club Obi Wan e a qeuda do aviao na India). Bem, se tem inovaçao no roteiro, é tudo estar relacionado desde o começo, e o Indy levar a pior e nao conseguir recuperar o artefato que roubam dele. Sera a idade? Bem, jurei nao falr disso e nao vou, mas nao pode ser isso, ja que el sobrevive a explosao mais fora do normal que alguem poderia ter sobrevivido. 🙂 (Essa nao conto nem com spoiler)

Enfim, acho que o que funciona menos no filme é o “Imperio do mal” do filme. Os russos. Como o filme se pasa 20 anos depois do penultimo episodio, em “Ultima Cruzada”, os viloes passam a ser os comunistas. Uma coisa curisosa do filme é que nos filmes em geral a gnte sabe q o Indy é americano. A gnt sabe o que ele representa. Mas é a primeira vez que a vemos ele de cert forma, um apatrida. Isso fica laro no episodio dele com a Universidade e o fantasma do “Macarthismo”.

Enfim, o enredo é mais que obvio. Nao tinha pq ser diferente mesmo.

Mas quer saber? é Indy 🙂

Se fosse um fime comum, seria 7,5 pela aventura. Por ser indy e trazer um ar nostalgico, dou 8,5 pro filme, com muita comptencia do filme. Espero que a ideia do Indy 5, sugerida com alguma tensao no final, nao se concretize da forma que sugerem no final do filme. Precisa de muito Carisma para ser um Jones, o que Harison ford e Sean Conery tem de sobra, mas nao sei se existe outro Jones assim.

Anúncios

2 comentários sobre “Jones – Funcionou bem….

  1. Já eu interpretei diferente esse final.

    /spoiler
    Acho que o fato do Shia ter tentado pegar o chapéu naquele momento, sendo impedido pelo Ford, denota que não veremos um novo Indiana. O que eu acho ótimo, porque esse Shia é chatinho demais. Ainda não consigo dissociá-lo do garoto chato do Paranóia. rs
    spoiler\

    Agora sobre o filme, bem, eu realmente daria um 7,0 se não fosse um “indy”, mas como é vou deixar no 7,5 que tá bom demais. Acho que Spilberg e Lucas não deram tudo de si, eis que as cenas de ação de Steven tanto quanto as piadas de Lucas são apenas competentes. Pouco para um “indy”. Muito pouco para SS e GL.

    E, realmente, para quem gosta só um pouquinho de história ou geografia sul-americana o filme passa um pouco dos limites. Não falo sobre o Rio Amazonas desembocar nas Cataratas do Iguaçú, porque em momento algum o filme diz o nome das cataratas, apenas as utiliza como cenário para mistificar e embelezar o cenário. Mas os caras confundem Nazca com Cusco, Peru com Brasil, maias com incas, um verdadeiro samba do americano doido jamais visto. Mas tudo bem, é só pela diversão.

    Mas como eu dizia, esperava isso mesmo. Dava pra sacar pela publicidade mansa do filme, muito comedida por tratar-se de um novo “indy”. De qualquer forma, é boa diversão para qualquer um que se deixe levar, mas seguramente será o primo pobre do box. Aquele que ninguém vai tirar da caixa pra ver daqui há 2 ou 3 anos. Ou menos.

  2. Gentem…
    Indy é Indy!!
    Esqueçam idade, confusões geográficas etc… O personagem é tudo de bom. E o ator, velho ou não também é… (desculpe, Bru :-))
    Vou ousar discordar de algumas opiniões e dizer que ADOREI o filme!! E que certamente VOU comprar o box e assistirei todos, inclusive este último… e não será em 2 ou 3 anos.

    Quanto a um provável Indy 5 – rola um boato que pode acontecer, sim. Meio no estilo de Indiana Jones e a Última Cruzada: Henry Jones Junior como uma espécie de “conselheiro” e Henry Jones Terceiro como o aventureiro jovem…
    Querem saber?? Se rolar, assisto de novo.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s