É proibido morrer


Prefeito de vilarejo francês decreta: é proibido morrer
do Editor do UOL Tablóide

Depois do “É proibido proibir”, a França revoluciona mais uma vez.

O prefeito de um vilarejo francês, diante a falta de terras para ampliar o cemitério, decretou: “É proibido morrer” – isso se o cidadão (ou “citoyen”, na sua língua pátria) desejar ser enterrado no lugarejo.

Por essas e outras que o Editor, a tia Izildinha e ex-prefeito de Sucupira, Odorico Paraguaçu (um revolucionário “avant la lettre”) são assumidamente francófilos. Sem outra alternativa, eles gritam: “Vive la France!”

Tudo AQUI.

Obrigado a Ana pelo link

—————–

Nota: Valeu Ricardo 😛 Esses paisecos europeus são muito atrasado em relação a gente. Em 2005 nos ja proibiamos pessoas de morrerem no Brasil e aumentávamo a expectativa de vida da população. Duvida? Então vai AQUI.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s