Final de Cinema…


ops!! … de Semana!!!! 🙂

… foi razoavelmete produtivo em termos de filmes. Vamos aos comentários rápidos:

SIMPSONS: Bem, não da pra dizer que é ruim. Aliás, é simpsons. É um mega episodio onde existe de tudo. É um filme nota 7 com louvor, onde acho até que vale mais uma visita ao cinema, ou aguardar e ver de novo no DVD. Realmente gostei. O que achei estranho foi a forma que o Homer esta caricaturizado (nossa, existe essa palavra?) no longa. No desenho tradicional, o homer (atual) possui piadas mais sutis. Acho que nem é essa a palavra. Vamos dizer que as piadas estão mais trabalhadas. O Homer do longa se parece muito com o Homer mais sem noção do que o “normal” (dele!) lembrando muito o Homer das primeiras temporadas da série. Fora essa estranheza com o desenho da TV, uma ótima pedida.

O ULTIMATO BOURNE: Filmão e acho que o comentário basta ai. Vale a pena ver na telona, principalmente pelas cenas de perseguição de carros e a luta que achei especialmente enervante (no sentido de me deixar nervoso). A história segue a linha dos predecessores e é bem tenue o que vc diz “Ahh, isso até que pode ser vedade” ou “Hmmm, acho que isso o cara viajou”. De modo geral, da mesma forma que os outros, o filme convence na argumentação.

Na verdade, uma só coisa no filme é peça de ficção e não existe nem com efeito especial: Neste filme, da mesma forma que no “Identidade Bourne”, uma das protagonistas (lógico, uma gostosinha! hehehe) resolve se disfarçar, vai ao banheiro e corta o próprio cabelo. Ao sair do banheiro, parece que saiu de um salão de beleza (Jacques Janine?).

Fala sério: Se a sua namorada, esposa, aliás, qualquer mulher que tente fazer aquilo no banheiro, sozinha, vai ficar uma bela merda. Tudo torto, parecendo o Bozo, e provavelmente chamaria mais a atenção do que o cabelo antigo. Da arrepio ver ela cortar o cabelo pegando de “tufos” e mandando a tesoura. E ela sai, toda linda, com o cabelo ok.

O pessoal do cinema deveria se restringir ao velho método de tingir o cabelo com cor diferente da atual do que colocar essas coisas IMPOSSIVEIS de se realizar num filme de espionagem. Era mais legal na época que colocavam coisas mais verossímeis e possíveis de acontecer como Darth Vader, Estrelas da Morte e Mutantes do que esse corte de cabelo bizarro no banheiro. 🙂

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s