Piratas do Caribe


Em semana onde vai começar a minha saga de correr contra o tempo e conseguir um dia com pelo menos 30 horas diárias (Pós começando amanhã), fui ver hoje o filme Piratas do Caribe.

Não escondi de ninguém que amei o primeiro filme. Não escondi de ninguém também que achei o 2° filme absolutamente médio, pra ser legal com o filme (um filme sem final, não é filme na minha opinião, é trote – raras excessões). Agora coloco aqui minha opinião sobre o terceiro filme: Sendo otimista, decepcionante.

Não da para falar muito sobre o filme sem dizer que o que estraga o filme é exatamente onde ele é bom. Explico: O cenário, a ambientação e o som do filme são perfeitos. Os efeitos especiais então, ao contrário do segundo filme, onde tinham algumas coisas até mesmo risiveis na minha opinião (a cena do monstro perto do final do filme é digna de pena – Não me conformo como Superman Returns perdeu o Oscar de Efeitos Visuais para a segunda parte de “Piratas” – certamente o melhor feito de Superman foram os efeitos e de longe mais bonitos e bem feitos, enfim…), melhoraram muito mesmo.

No entanto, o filme se resume a absolutamente isso: Efeitos, sons e ambientação praticamente perfeitos. O resto, deixa muito a desejar e mais do que nunca, dá a impressão (só para não dizer certeza) que só existe um Piratas 3 (eu já tinha levantado essa bola no segundo filme) para que se possa faturar mais. De resto, absolutamente descartável.

O filme tem longuíssimos e cansativos 160 minutos. Muita ação e pancadaria, mas muito pouca história. Os personagens tradicionais não são tão carismáticos como antes. A impressão é a mesma que escutei de muita gente a respeito do Homem Aranha 3: Muita gente e tempo de menos (e no caso, foi tempo demais – gastou-se em exceso em cenas de navios e ilhas e todo o resto, mas não nos personagens). Os personagens de “Piratas 3” simplesmente aparecem pouco em relação ao filme: Como explicar que Sparow só aparece depois de mais de mais de 30 minutos de filme?

Aliás, o filme inteiro é descompassado: A grande aventura “no fim do mundo” se resume a 50 a 60 minutos aproximadamente, com o resgate de Jack Sparow no mundo dos mortos. Num filme longo como este, no mínimo, é mal explorada a história do mundo dos mortos (e convenhamos, o resgate é muito, mas muito fácil).

As piadas não são mais do mesmo nível: O raro dentro do cinema foi ver alguém rindo dos momentos claramente “você vai rir agora” (No filme, só faltou  bateria classica de Friends indicando “ria”). Aliás, ao contrário, me senti um bobo “entendendo” algums coisas mais do que o cinema inteiro, onde acabei rindo sozinho, mas só porque lembrei de referencias aos 2 filmes anteriores, o que parece que pouquíssimas pessoas se recordaram.

O filme é decepcionante, com muitas cenas completamente descartáveis na história, claramente feitas para se ganhar tempo. Excluindo as mesmas da história, se obtem o mesmo resultado, com certeza, de forma menos cansativa. Espero que no DVD, lancem uma versão “Director cutted” (com cortes e não cenas inéditas).

Por obvio, não é que o filme seja uma droga. Não é como os anteriores, mas diverte também. O clima sombrio do filme destoa dos outros (a cena, logo do início, do menino que precisa de um barril para ser enforcado e canta uma música dramática é algo de cortar o coração). Outras cenas também carregam esse “peso”.

Mas o roteiro, de longe, perdeu a graça ou não seguiu os anteriores. Claramente, o “Piratas 1 – Maldição do Pérola negra” era acima da média e com uma história muito, mas muito boa. Mas esse piratas 3 não deixa dúvida que o lance aqui foi esticar uma história para 2 filmes algo que já sobraria em 1 único filme. Além disso, deixa claro no final do filme (e vejam o final dos créditos) que existirá um 4° filme, pelo menos. Aliás, nada mais broxante nessa história do que o final não feliz do filme, além de inconclusivo.

Vale citar a participação de Keith Richards do Rolling Stones. Eu não tinha a menor idéia que o cara estava no filme, e quando eu o vi, disse na hra “É o Keith, só com chapéu”. O velho ta tão zoado que mesmo maquiado de pirata, ele parece ele mesmo! 😛 (Deve ser frutos das lendárias transfusões de sangue na Suiça.. hehehe). Aliás, vale colocarem ele em “Piratas 4” porque com absoluta certeza ele é um dos personagens mais divertidos do filme.

Enfim, vale a pena o filme só se você acabou vendo o segundo filme (já que a chance é boa, devido ao sucesso de público), mas não espere muito. Claro, existe muita ação, mas não existe uma (boa) história. É desafiador ver que absolutamente todas as sinopses que vi do filme contarem exatamete tudo, menos a história (elas contam o que acontece nos primeira hora do filme e o resto não tem nada a ver).

  • Nota 6/10 (Se você for fão da série);
  • Nota 7/10 (se vc não sabe o que é coerencia em filmes e só ta lá para ver um monte de efeitos especiais)
Anúncios

6 comentários sobre “Piratas do Caribe

  1. Lá vem você com esse fetiche do Superman de novo. Não bastasse tirar o próprio no superheroquiz ainda me volta com essa coisa dos efeitos.
    Sério agora. Eu ainda não vi “Piratas…” mas tão falando tão mal e o filme parece tão longo que estou considerando a hipótese de conferir em DVD mesmo.
    Com “Extermínio II” e “Zodíaco” em cartaz, assistir ao novo do Sparrow não tá segurando o custo-benefício…
    Veremos. Depois do feriado eu conto pelo que me decidi.

  2. Antes de mais nada: Superman TEM os efeitos fodões. Não é fetiche, basta ver o Piratas 2 e comparar os 2 filmes. Piratas 2 é um filme mais divertido, sem duvida, mas em efeitos perde, e muito.

    Acho que até vale ver piratas 3. Mas me decepcionou muito mesmo a história (ou a falta dela). Achei muito do chato, excesso de imagem de cenários e tal, e pouco de personagens. O filme é estranho, talvez tenha faltado essa palavra no texto. Mas não é um filme ruim não. Só não é excelente, que é o que se esperaria da sequencia dos filmes (o 2 eu ja tinha achado que não acompanhava o 1° filme, mas tinha muita coisa divertida nele – como a luta dos piratas na ilha e o Sparrow naquele treco que ficava girando ou mesmo a tribo dos canibais).

  3. Bah, eu achei os efeitos bem feitos e só. Você que tem fetiche. 🙂

    Piratas 2 eu também não gostei tanto quanto o primeiro. É um filme legal, divertido, mas longo demais. Podiam ter cortado ao menos meia-hora.

    Hoje vi alguns filmes. Amanhã comento…

  4. Piratas: assim vocês acabam dificultando minha vida em conseguir ver o que rola no filme! hehehe 😛

    Sobre super: qualquer bêbado que não assistiu os primeiros 10 min de superman returns e notou na beleza dos detalhes da animação do resgate do avião que eles simplesmente fizeram mais do que já foi feito até hoje em efeitos em qualquer outro filme… bom, como disse: é um bêbado terminal. 🙂

    Preciso ver os postos do Raul dos outros filmes… eu realmente não tenho idéia que filmes sejam!

  5. Olá Liga da Justiça Tucana, como vão?

    Vamos lá, Superman Returns. Os efeitos são bons sim, mas para a quantidade de dinheiro que se gastou, na minha opinião o resultado não é impressionante não. Sem contar a pior idiotice de todas que o Brian Singer fez, que foi a limada feia na cena inicial.

    Era pra começar com o Kal-El sobrevoando Krypton com uma nave de cristais, com texturas e movimento realmente expressivos e novos, mas por não ser ´adequada´ ao roteiro o diretor cortou. Jogou dinheiro fora. Mesmo. E muito.

    Sobre os outros filmes, postei sobre dois (o Premonições, que vi por acaso e o Extermínio 2, esse sim aguardado). Ainda falta falar do Piratas 3, mas vou deixar pra lá porque já foi exaustivamente falado em tudo quanto é lugar na internet e nos jornais. Não tenho porque postar.

    Em breve falo do “Não por Acaso”, excelente nacional de estréia do Philippe Barcinsky nos longas. Vocês devem ter visto por aí. É aquele do Rodrigo Santoro e da Letícia Sabatella. Muito bom. Mas falo dele já já…

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s